7 de jun de 2017

Jejum vs Amamentação

Olá pessoal tudo bem? Vou aproveitar o Ramadan pra trazer um assunto que pode ser útil para as mamães futuramente.
Eu passei (estou passando) por duas situações diferentes que envolvem a amamentação. Uma delas foi em 2014 quando o Youcef na época tinha cerca de uns 2/3 meses e uma está sendo agora em 2017 com o Khaled com 6 meses e início do sétimo.

Pra quem não sabe existem no próprio Alcorão algumas situações que isentam a pessoa de jejuar no Ramadan e entre elas estão a gravidez e amamentação caso haja algum risco para a mãe ou para o bebê, e sendo assim ano passado não jejuei pois estava no começo da gravidez ainda quando o bebê está com o desenvolvimento a todo vapor então consultei algumas pessoas e a recomendação foi para que não jejuasse. Existem mulheres que fazem o jejum normalmente também, isso fica a cargo de cada uma.

No caso da amamentação temos lá em 2014 o Ramadan que tentei porém não consegui jejuar e o desse ano que está correndo tudo normalmente.
Acontece que quando o Youcef era bem bebezinho eu tentei fazer o jejum por uns 3 dias..na verdade eu fiz. E o que aconteceu? (o relato é sobre o que aconteceu COMIGO..não é regra e não quer dizer que será o mesmo pra todas as pessoas pois cada organismo trabalha de uma forma).

Bom no início do dia tudo correu perfeitamente, porém ao longo do dia sem tomar água principalmente o bebê mamava e o meu corpo não produzia mais leite ou produzia muito pouco, a ponto de no final do dia em torno de umas 16/17 meu peito estar seco e meu filho chorando de fome. Por este motivo decidi também não fazer pois de nada adiantaria eu cumprir com minhas obrigações sacrificando uma coisa que não tinha o porque. Mas eu testei, tentei e caso desse eu faria numa boa, porém o bem estar dos meus filhos acima de tudo.

Os dois tiveram amamentação exclusiva no peito até os 6 meses e no caso do Youcef ele mamou ainda até ter 2 anos e 3 meses quando eu já estava grávida de 6 meses do Khaled. Foi um desmame totalmente natural, sem traumas e 100% definido por ele..simplesmente do dia pra noite ele não pediu nunca mais e pra mim foi um misto de alegria e tristeza pois a amamentação é um momento de total sintonia entre mãe e filho, de cumplicidade, olhos nos olhos, mãozinha deles no rosto, nossa mão no cabelinho......e quando isso acaba a gente acha que um elo foi quebrado rs mas não, só amadurecemos a relação.

Com o Khaled está sendo diferente..ele completou 6 meses no dia 19 e o Ramadan começou no dia 27 então assim, na consulta dos 6 meses o pediatra me passou algumas frutinhas pra começar a dar pra ele. No começo ele até curtiu a novidade só que logo após isso ele começou a ficar doentinho e desenvolveu uma bronquite que na verdade ainda estamos tratando (hoje mesmo depois de 1 semana de antibióticos, anti inflamatório e inalação a febre voltou com tudo e voltamos a emergência com ele :( ) então assim, as frutas não estão rolando, ele simplesmente recusa tudo seja amassado, seja batido, tentamos varias bem e ele recusa tudo..banana, pera, maçã, caqui, goiaba, abacate, manga....tudo mesmo e doentinho fica manhoso e quer mais colo e consequentemente mais peito.
Porém contrariando a lógica, desta vez o jejum está fluindo super bem porque ele não aceita as frutas mas já bebe água, chazinho, então pelo menos 1 mamada de manha e 1 a tarde a gente substitui..e sim faz muuuita diferença na prática.
Pra mim sim está sendo mais difícil que nos outros anos pois meu corpo está trabalhando mais, consumindo mais energia e antes eu que levava tudo numa boa chega fim da tarde estou muito cansada, com muita sede e tudo mais..mas o que importa é que nada falta pra minha bolinha (vocês viram no vídeo que sustância não falta pra ele rs).

E assim vamos seguindo..de acordo com as minhas experiências jejum na gravidez não rola e nem com bebê menor de 6 meses, mas como eu disse isso varia muito de pessoa pra pessoa e não é nenhuma regra, só quis dividir um pouquinho com vocês pois vai que ano que vem você fica grávida ou até mesmo já vai estar com seu bebezinho nos braços..acho que toda experiência é valida :)

E siiiiiim ainda estou devendo as receitas de Ramadan :(queria muito fazer mas Khaled doentinho tem me consumido todo o tempo e óbvio que ele será prioridade sempre mas inchallah até fim do Ramadan rola pelo menos as mais típicas.

Até mais 😁

Nenhum comentário:

Postar um comentário