12 de ago de 2015

Documentos para união familiar - VistoBrasil.com.br




Fonte: Visto Brasil


Por meio de comprovação de vínculo familiar com cidadão brasileiro, o estrangeiro pode solicitar visto permanente, com prazo de validade indeterminado. Denomina-se chamado o estrangeiro, maior ou menor de idade que se encontra no Brasil ou no exterior, echamante o brasileiro maior com RG ou estrangeiro maior com RNE (permanente, temporário ou provisório).

Requisitos do Chamado:
• Uma cópia autenticada de um comprovante de parentesco com o chamante;
• Uma cópia autenticada de passaporte (com todas as folhas, mesmo as em branco)*;
• Cópia autenticada de atestado de antecedentes criminais emitido no país de origem, legalizado pela Embaixada ou por Consulado do Brasil naquele país e traduzido para o português (apenas para maiores de 18 anos);
• Duas fotos 3x4 com fundo branco.

* Se o chamado é paraguaio, argentino, uruguaio, boliviano, peruano ou chileno, pode-se apresentar uma cópia da folha de entrada e da cédula de identidade.

Requisitos do Chamante:
• Uma cópia autenticada da cédula de identidade. Se estrangeiro, o RNE Permanente ou Temporário. Se brasileiro, o RG;
• Uma cópia autenticada de um comprovante de capacidade financeira do chamante (hollerith ou declaração de imposto de renda);
• Uma cópia autenticada de um compromisso de manutenção firmado em tabelião no Brasil;
• Uma foto 3x4 com fundo branco;
• Cópia autenticada de comprovante de endereço (conta de água, luz, telefone ou recibo de aluguel).

Observações:
A Polícia Federal realiza visitas periódicas ao solicitante para verificar a convivência com o chamante, além de averiguar a existência de possíveis irregularidades, como abrigar ou empregar estrangeiros indocumentados. Infratores estão sujeitos a pesadas multas, além de notificações para deixar o País.

Caso o solicitante troque de endereço antes da visita, o fato deve ser comunicado à Polícia Federal. Caso a mudança de endereço seja após a visita, deve comunicar o Ministério da Justiça através da Polícia Federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário